Turismo de Minas

Caminho Novo da Estrada Real: veja em quais cidades parar

Caminho Novo é o nome dado ao trecho mais jovem da Estrada Real, que foi definido entre 1722 e 1725 e vai de Ouro Preto ao Rio de Janeiro. O percurso foi aberto como uma alternativa mais rápida e fácil do que o Caminho Velho. O trajeto guarda uma série de elementos da época das bandeiras e das primeiras explorações do território. Ao longo do Caminho Novo, havia locais de cobrança de pedágio denominados Registros.

O Caminho Novo possui 515 km e pode ser feito de diversas maneiras. O tempo de viagem de bicicleta é de 11 dias, a pé 35 dias, de carro 6 dias e 18 dias a cavalo. O percurso de Ouro Preto até Porto Estrela requer menos esforço físico do que o caminho oposto. Para quem caminha, o trecho mais desafiador é entre Ewbank da Câmara e Juiz de Fora, com 59 km.

Confira as cidades por onde você vai encontrar o marco da Estrada Real sinalizando o Caminho Novo.

 

Quer ter as melhores experiências em suas viagens por Minas? 

Clique aqui e compre nosso Guia exclusivo!

 

Ouro Preto

O município nasceu em 1711, com o nome de Vila Rica e foi escolhida em 1720 como a capital da capitania das Minas Gerais. A cidade serviu como campo de manifestações históricas e culturais na época da descoberta do ouro no país. 

 

Itatiaia

Com belos cenários, Itatiaia é cercada por uma extensa área verde com presença de mata e cachoeiras. O distrito ainda conta com alguns eventos como o Tira Gosto Cultural, que garante muita animação a quem gosta de música, show e o melhor da comida mineira. 

 

Ouro Branco

A Serra de Ouro Branco é uma das maiores atrações da cidade homônima, localizada a 100 km da capital mineira. O município ainda conta com construções setecentistas como antigos casarões, fazendas e igrejas, como a bela Matriz de Santo Antônio de Ouro Branco, que representa claramente a arquitetura religiosa do século XVIII, marcada pelas obras do mestre Aleijadinho. 

 

Conselheiro Lafaiete

Sua história pode ser conhecida através do Museu e Arquivo Antônio Perdigão, do Museu Ferroviário e do Museu Marcílio Milagres. Os eventos culturais movimentam a cidade, promovendo festivais e exposições de artes plásticas, artes cênicas, musicais, artesanato, entre outros.

 

Santana dos Montes

Membro do Circuito Turístico Villas e Fazendas de Minas, Santana dos Montes é um destino único. Através de suas trilhas, os passeios a cavalo ou charrete encantam bastante os turistas. Na junção do cerrado com a Mata Atlântica, o município oferece a harmonia e o conforto para quem deseja descansar em meio aos famosos hotéis-fazenda. 

 

Barbacena
A cidade ficou conhecida como Cidade das Rosas devido ao grande cultivo da flor, e também se destaca pelo cenário histórico construído, em sua maioria, em estilo barroco. 

 

Santos Dumont

Na terra de Santos Dumont, a força vem basicamente do turismo ecológico. A cidade possui lindas quedas d’águas, que atrai muitos turistas. Aproveite para se refrescar durante o passeio.

 

Juiz de Fora
A Princesinha de Minas também possui o marco da Estrada Real. A principal avenida da cidade, a Avenida Rio Branco já foi chamada de Estrada do Paraibuna e era a ligação entre Ouro Preto e Rio de Janeiro.  

 

Matias Barbosa

A cidade abriga um grandioso acervo histórico, como a Capela do Rosário, tombada pelo Iphan. Matias Barbosa atrai muitos turistas principalmente durante a Festa da Fogueira e a Festa da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição.

 

Paraíba do Sul

A cidade guarda o único túmulo conhecido dos restos mortais de Tiradentes. Foi em frente à Fazenda das Sebolas que o mártir pregava seus ideais de liberdade e, no local, ficaram expostos seu tórax e braço esquerdo após a execução.

 

Itaipava

Distrito de Petrópolis, Itaipava é conhecida como refúgio de inverno das pessoas. Curtir o friozinho na serra é uma opção convidativa, principalmente para os casais. As caminhadas e cavalgadas pelas trilhas das montanhas do lugar também é uma forma de curtir a paisagem. 

 

Petrópolis

O seu percurso ligava a sede da Capitania, Vila Rica (atual Ouro Preto), à sede ao Arraial do Tijuco, atual Diamantina. O ambiente refrescante e um nevoeiro que cobre a cidade ligeiramente, proporcionam a Petrópolis um clima peculiar, muito propício a visitas, principalmente de casais. Devido a essas qualidades, o município apresenta o que há de mais requintado em relação à hotelaria e à gastronomia.

 

Rio de Janeiro

A cidade maravilhosa continua linda! E não é para menos, as belezas naturais fazem do Rio de Janeiro um dos destinos mais badalados do Brasil. Se fez todo o percurso, parabéns! Agora é se preparar para conhecer os outros caminhos.

 

Você gostou das nossas dicas do Caminho Novo? Conta pra gente dos nos comentários!

Inner Ad

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *